Folha Oeste




Deputados retiram excludente de ilicitude do pacote anticrime

26/09/2019

O grupo de trabalho da Câmara que discute o pacote anticrime retirou do texto a chamada excludente de ilicitude, que eximia policiais de punição em situações de confronto. Foi mais um ponto retirado do pacote do ministro Sergio Moro. Antes da reunião do grupo, o ministro Sergio Moro defendeu a excludente de ilicitude. “Estamos buscando convencer os parlamentares a respeito dos acertos das medidas ali propostas, entre elas, encontra-se essa medida sobre a legítima defesa. Na verdade, é uma proposição que tem por base artigos iguais constantes no Código Penal alemão e no Código Penal português. Então, não tem nada de extravagante ali”. No grupo de trabalho, que passou a tarde analisando a excludente de ilicitude, a maioria dos deputados não foi convencida. Eles derrubaram dois trechos do pacote que tratavam do tema. O deputado Marcelo Freixo, do PSOL, propôs a derrubada do trecho que previa que juízes pudessem reduzir penas pela metade, ou até deixar de aplicar, em casos nos quais excessos no emprego da legítima defesa fossem cometidos em função de “escusável medo, surpresa ou violenta emoção”. “Não há crime quando a gente pratica o fato em estado de necessidade, legítima defesa, estrito cumprimento do dever legal ou no exercício regular do direito, ponto. Querer acrescentar a isso escusável medo, surpresa e violenta emoção e possibilitar sobre isso que o juiz venha a poder anular uma sentença, isso não faz o menor sentido”, disse Freixo. O outro trecho retirado do pacote estendia a possibilidade de legitima defesa para “o agente de segurança pública que, em conflito armado ou em risco iminente de conflito armado, prevenisse injusta e iminente agressão a direito seu ou de outrem”. Parlamentares aliados ao governo defendem que os pontos derrubados nesta quarta ainda podem voltar ao texto durante a votação no plenário. O relator, deputado Capitão Augusto (PL-SP), disse que a proposta de Moro foi desfigurada. “Uma derrota significativa no pacote do ministro Sergio Moro, o qual nós estamos relatando e vamos fazer de tudo para tentar recuperar isso no plenário agora. É o que nos resta”. O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que boa a maior parte do pacote anticrime deve ser aprovado pela Câmara. “Acredito que, entre o projeto do ministro Moro e do ministro Alexandre de Moraes, nós temos aí 60%, 70% do projeto dos dois que serão aprovados, serão colocados a voto e serão aprovados pela Câmara e espero que depois pelo Senado”.

Flamengo vence Al Hilal e est...

Rubro-Negro venceu o time saudita por 3 a 1 de virada e espera o jogo entre Liverpool e Monterrey para saber o adversár...

17/12/2019 - brasil

Caminhoneiros confirmam iníci...

"Nós temos um governo que só fez nos enganar. Muitas mentiras, promessas antes da campanha. E o que foi que ele fez pa...

09/12/2019 - brasil

Etanol sobe em 16 Estados e Di...

Os preços médios do etanol hidratado subiram em 16 Estados e no Distrito Federal na semana passada, de acordo com leva...

02/12/2019 - brasil

Com 8 votos a 2, STF tem maior...

Maioria dos ministros foi favorável a compartilhamento sem aval judicial entre Receita e MP de informações detalhadas...

28/11/2019 - brasil

Extrema pobreza 13,5 milhões ...

Grupo, que sobrevive com 145 reais mensais, vem crescendo desde 2015. Número de miseráveis no país é maior que a pop...

07/11/2019 - brasil

Bebianno entrega Bolsonaro à ...

O ex-ministro Gustavo Bebianno afirmou que o então presidenciável Jair Bolsonaro chancelou em 2018 um acordo para repa...

04/11/2019 - brasil

Carlos Bolsonaro divulga áudi...

O vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ) publicou, na tarde desta quarta-feira (30/10), um segundo vídeo com registros de l...

30/10/2019 - brasil

Nome de Bolsonaro aparece em i...

O nome do presidente Jair Bolsonaro surgiu nas investigações sobre a morte de Marielle Franco. De acordo com o Jornal ...

30/10/2019 - brasil

Queiroz continua na ativa: "Te...

Áudio de Querioz numa mensagem de WhatsApp em junho deste ano comprova: o caixa do clã Bolsonaro continua na ativa. El...

24/10/2019 - brasil

Eduardo Bolsonaro é o novo l...

O deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente Jair Bolsonaro, é o novo líder do partido na Câmara. O nom...

21/10/2019 - brasil

Lula oficializa rejeição à...

O ex-presidente Lula oficializou nesta sexta-feira (18) a rejeição à progressão para o regime semiaberto, pedida pel...

18/10/2019 - brasil

CNJ diz que decisão do STF so...

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) rebateu dados extraídos do Banco Nacional de Prisões, mantido pelo órgão, e af...

16/10/2019 - brasil

#TicTacBolsonaro domina as red...

As redes sociais explodiram nesta terça-feira 15 com a repercussão dos mandados de busca e apreensão que a Polícia F...

15/10/2019 - brasil

STF decide a favor de tese que...

O STF (Supremo Tribunal Federal) retomou na tarde de hoje o julgamento que pode levar à anulação de condenações da ...

02/10/2019 - brasil

"Licença para Matar"; Relator...

O deputado federal Fabio Schiochet (PSL-SC) apresentou nesta terça-feira (1º) na Comissão de Constituição e Justiç...

02/10/2019 - brasil

Reforma da Previdência: CCJ a...

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou nesta terça-feira (1º) por 17 votos a 9 o relatório ...

01/10/2019 - brasil

Bolsonaro volta a atacar Raoni...

Jair Bolsonaro afirmou nesta terça-feira que "o interesse na Amazônia não é no índio nem na porra da árvore, é no...

01/10/2019 - brasil

Deputados retiram excludente d...

O grupo de trabalho da Câmara que discute o pacote anticrime retirou do texto a chamada excludente de ilicitude, que ex...

26/09/2019 - brasil

Concurso IBGE abre inscriçõe...

Após a publicação nesta quarta-feira, 25, do extrato do edital do concurso IBGE 2019 no Diário Oficial da União, o ...

25/09/2019 - brasil

Saiba como o meio político re...

O mundo político repercutiu o discurso do presidente Jair Bolsonaro nesta terça-feira (24), na abertura do debate gera...

24/09/2019 - brasil

>

Av. Cesar Abraão, 157 | Osasco - 3682-5820 | jornalfolhaoeste@gmail.com