Folha Oeste




Sputnik V: o que se sabe sobre vacina russa que teria 92% de eficácia contra covid-19

12/11/2020

A Rússia informou que a vacina contra a covid-19 Sputnik V tem uma eficácia de 92%, segundo dados preliminares da terceira fase de pesquisa, e não apresentou efeitos adversos inesperados. Os dados ainda não foram revisados por outros cientistas e tampouco publicados em periódico científico. A informação foi divulgada dois dias depois da comunicação de que vacina desenvolvida pela Pfizer e BioNTech apresentou eficácia de 90%, também segundo dados preliminares que ainda não foram publicados em revista científica. Comunicado divulgado pelo Centro Gamaleya e o Fundo para Investimentos Diretos da Rússia (RDIF, na sigla em inglês) diz que o resultado foi obtido a partir de uma pesquisa com mais de 16 mil voluntários, 21 dias após o recebimento da primeira dose da vacina, que é inoculada em duas doses, ou placebo. A nota informa que a análise de eficácia foi feita após 20 participantes terem desenvolvido covid-19 entre os que haviam recebido a vacina e os que tinham recebido placebo. Até o momento, segundo os desenvolvedores, 20 mil voluntários receberam a primeira dose da vacina em 29 centros médicos do país, e mais de 16 mil, as duas doses. "No decorrer da pesquisa, nenhum efeito colateral inesperado foi detectado. Em parte dos vacinados, houve efeitos temporários como dor no local da inoculação da vacina, sintomas de gripe com aumento da temperatura corporal, fraqueza, cansaço e dor de cabeça ", acrescentou o comunicado. O texto diz ainda que a observação dos participantes do estudo continuará por mais seis meses, após os quais os resultados finais serão publicados. Além disso, segundo os responsáveis, um estudo detalhado também está sendo realizado sobre a segurança da vacina e imunogênese em pessoas idosas. A Rússia diz que os dados divulgados nesta quarta (11/11) serão publicados pelos pesquisadores do Centro Gamaleya em uma das principais revistas médicas, após avaliação independente por epidemiologistas. O ministro da Saúde da Rússia, Mikhail Murashkin, destacou que os resultados dos testes clínicos da Sputnik V "mostram que é um meio eficaz de conter a disseminação do coronavírus, prevenir a doença, que é a melhor forma de derrotar a pandemia". O diretor do Centro Gamaleya, Alexandr Gintsburg, disse que a publicação dos resultados preliminares "abre o caminho para a vacinação em massa na Rússia contra a covid-19 nas próximas semanas". Professor da London School of Hygiene & Tropical Medicine, Brendan Wren diz que os dados da Sputnik são encorajadores. Ao mesmo tempo, a professora britânica de imunologia Eleanor Riley disse estar preocupada com a possibilidade de os dados terem sido divulgados às pressas em resposta ao anúncio da Pfizer, e lembrou que o desenvolvimento de vacinas não é uma competição. A vice-primeira-ministra russa, Tatiana Golikova, disse que a Rússia espera produzir 6 milhões de doses por mês a partir de abril de 2021, segundo a agência Reuters. Fonte: BBC

Venezuela vive falsa normalida...

Governo de Maduro encerra uma campanha marcada pelo desinteresse, enquanto a oposição e várias instâncias internacio...

02/12/2020 - destaque

Uma vacina contra o HIV chega ...

Ensaios clínicos que começam agora vão durar pelo menos 24 meses. Protótipo usa o mesmo mecanismo que a Janssen util...

02/12/2020 - destaque

Putin ordena que Rússia inici...

MOSCOU (Reuters) - O presidente da Rússia, Vladimir Putin, ordenou nesta quarta-feira que as autoridades russas iniciem...

02/12/2020 - destaque

Biden confia o comando da recu...

A diversidade, a experiência e o foco no emprego caracterizam os escolhidos pelo presidente eleito dos EUA para pilotar...

30/11/2020 - destaque

Biden segue com transição; T...

WILMINGTON, Estados Unidos (Reuters) - O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, deve anunciar seus escolhidos ...

30/11/2020 - destaque

"Adios Diego": Maradona é ent...

BUENOS AIRES (Reuters) - O argentino Diego Maradona, um dos maiores jogadores de futebol da história, foi sepultado nes...

26/11/2020 - destaque

Biden promete anunciar em deze...

O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, prometeu nesta terça-feira (24) que anunciará em dezembro suas esco...

26/11/2020 - destaque

Biden vai nomear a 1ª mulher ...

Equipe de transição anunciou outros nomes do 1º escalão em política externa e segurança nacional, incluindo John K...

23/11/2020 - destaque

Derrota de Trump abala o popul...

Os Governos e partidos da Europa e da América Latina que recebem com frustração o afastamento de sua grande referênc...

23/11/2020 - destaque

Mundo bate recorde de mortes d...

Um levantamento feito pela Universidade Johns Hopkins mostra que o mundo voltou a bater recorde diário de mortes por Co...

19/11/2020 - destaque

Biden diz que contestação de...

(Reuters) - O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, disse nesta quinta-feira que a contestação do president...

19/11/2020 - destaque

China e outros 14 países da ...

Tratado RCEP, que englobará 30% do PIB e da população mundial, representa um impulso econômico e político para Pequ...

16/11/2020 - destaque

Biden pede que Congresso dos E...

WILMINGTON, Delaware (Reuters) - O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, pediu nesta segunda-feira que o Cong...

16/11/2020 - destaque

Sputnik V: o que se sabe sobre...

A Rússia informou que a vacina contra a covid-19 Sputnik V tem uma eficácia de 92%, segundo dados preliminares da terc...

12/11/2020 - destaque

Evo Morales recebe um banho de...

Ex-presidente boliviano retorna ao seu reduto um ano depois de sua renúncia e posterior exílio na Argentina. Helbert ...

12/11/2020 - destaque

Republicanos pedem que Trump a...

WASHINGTON/WILMINGTON, Delaware (Reuters) - Mais membros do Partido Republicano se distanciaram da recusa do presidente ...

12/11/2020 - destaque

Pfizer afirma que sua vacina c...

Das 214 vacinas experimentais, 10 estão em fase final e a OMS acredita que as populações de risco de alguns países q...

09/11/2020 - destaque

Vacina Sputnik V da Rússia ta...

MOSCOU (Reuters) - A vacina Sputnik V contra Covid-19 da Rússia é mais de 90% eficaz, disse um representante do Minist...

09/11/2020 - destaque

Líderes mundiais parabenizam ...

(Reuters) - Diversos líderes mundiais cumprimentaram o presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, e a vice-presid...

07/11/2020 - destaque

Joe Biden derrota Trump e se e...

Democrata é eleito 46º presidente dos Estados Unidos em meio a um tenso escrutínio eleitoral. Kamala Harris faz hist...

07/11/2020 - destaque

>

Av. Cesar Abraão, 157 | Osasco - 3682-5820 | jornalfolhaoeste@gmail.com