Folha Oeste
testLíder de gangue do Haiti ameaça matar reféns de missionários americanos




Líder de gangue do Haiti ameaça matar reféns de missionários americanos

21/10/2021
Compartilhar

As autoridades disseram que a quadrilha de 400 Mawozo está exigindo US $ 1 milhão por refém em resgate para libertar 17 membros do grupo missionário. O líder da gangue haitiana suspeito de sequestrar 17 membros de um grupo missionário dos Estados Unidos ameaçou matar os reféns caso suas demandas não fossem atendidas. Wilson Joseph, líder da gangue 400 Mawozo , deu o ultimato em um vídeo postado nas redes sociais na quinta-feira. “Eu juro com certeza que se eu não conseguir o que estou pedindo, vou colocar uma bala na cabeça desses americanos”, disse Joseph no vídeo. No início desta semana, as autoridades haitianas disseram que a gangue está exigindo US $ 1 milhão em resgate por pessoa para libertar os reféns. Falando na frente dos caixões de membros de gangues aparentemente mortos pela polícia, Joseph ameaçou o primeiro-ministro do Haiti, Ariel Henry, e o chefe da Polícia Nacional, Leon Charles, no vídeo, “Vocês me fazem chorar. Eu choro água. Mas vou fazer vocês chorarem sangue ”, disse ele. O correspondente da Al Jazeera, Manuel Rapalo, disse que os protestos na capital, Porto Príncipe, contra a deterioração da situação de segurança no Haiti continuaram pelo quinto dia na quinta-feira. Trabalhadores haitianos entraram em greve geral em 18 de outubro para protestar contra o agravamento da insegurança e da violência de gangues após o sequestro dos missionários cristãos. “A preocupação agora, especialmente depois que este vídeo foi publicado, é que as tensões continuem aumentando; há o medo de que a violência possa piorar nas ruas ”, disse Rapalo. Os reféns foram sequestrados depois de deixar um orfanato fora de Porto Príncipe em 16 de outubro. Dezesseis dos abduzidos são americanos e um é canadense. Cinco deles são crianças, incluindo um bebê de oito meses. Christian Aid Ministries, o grupo missionário com sede em Ohio cujos membros foram sequestrados, convocou um dia de jejum e orações pelos reféns na quinta-feira, exortando as pessoas a orar pelos abduzidos e também pelos sequestradores. “Ore pelos sequestradores, para que experimentem o amor de Jesus e se voltem para ele, e vemos isso como sua necessidade final”, disse Weston Showalter, porta-voz do grupo. “Também pedimos oração pelos líderes do governo e autoridades, pois eles se relacionam com o caso e trabalham para a libertação dos reféns.” Reportando de Millersburg, Ohio, John Hendren da Al Jazeera, disse que os sequestros têm sido “estressantes” para as pessoas associadas ao grupo missionário. “Todas as pessoas com quem conversamos expressaram profunda preocupação por esses missionários, principalmente depois da ameaça que foi feita pelo líder daquele grupo de sequestro”, disse Hendren. Um dos países mais pobres do mundo, o Haiti tem sofrido desastres naturais periódicos , violência de gangues e uma crise política de longa data agravada pelo assassinato do presidente Jovenel Moise em julho. O país viu um aumento repentino de sequestros nas últimas semanas. O Centro de Análise e Pesquisa em Direitos Humanos (CARDH), uma ONG haitiana, disse na quarta-feira que pelo menos 119 pessoas foram sequestradas por gangues criminosas no Haiti durante a primeira quinzena de outubro, após 117 casos em setembro. “Os cidadãos não confiam na polícia nacional haitiana e isso representa um problema porque não podemos ter uma força policial eficiente se a população não colaborar”, disse Gedeon Jean, diretor do CARDH, à AFP no início desta semana. O governo dos EUA prometeu trabalhar com as autoridades haitianas para libertar os reféns americanos. “Nosso governo tem nos concentrado incansavelmente nisso, incluindo o envio de uma equipe do Departamento de Estado ao Haiti; trabalhar em estreita colaboração com o FBI, que é o líder nesse tipo de assunto; em comunicação constante com a Polícia Nacional do Haiti, a igreja a que pertencem os missionários, bem como com o Governo haitiano ”, disse o secretário de Estado Antony Blinken na terça-feira. Fonte: Aljazeera

Crise Rússia-Ucrânia: por qu...

"A Europa está agora mais perto da guerra do que esteve desde o desmembramento da ex-Iugoslávia." Palavras duras de a...

17/01/2022 - destaque

Coreia do Norte aumenta press...

Os dois projéteis aparentemente balísticos viajaram mais de 300 quilômetros antes de cair no mar. Os velhos tempos r...

17/01/2022 - destaque

Mundo bate novo recorde e regi...

Marca supera o recorde anterior registrado na terça-feira (11), quando o número diário de infecções pelo coronavír...

13/01/2022 - destaque

Rússia vê a negociação com...

A tensão entre Moscou e o Ocidente aumenta à medida que o Kremlin avisa que eliminará "ameaças inaceitáveis" à sua...

13/01/2022 - destaque

Cazaquistão, um aviso aos viz...

Os protestos na ex-república soviética parecem indicar a outros países vizinhos que os líderes que permanecem no pod...

10/01/2022 - destaque

Sem concessões: Rússia assum...

Agência de notícias diz que vice-ministro das Relações Exteriores, Sergei Ryabkov, acredita que é possível que reu...

10/01/2022 - destaque

Maduro anuncia aumento da prod...

Segundo o governo, a Venezuela atingiu a produção de um milhão de barris por dia. O número, questionado por alguns a...

06/01/2022 - destaque

Biden culpa Trump por invasão...

Democrata fez discurso dizendo que "ego ferido" do ex-presidente americano é "mais importante para ele do que nossa dem...

06/01/2022 - destaque

Entenda a tensão entre Rússi...

Tropas russas a postos, próximas à fronteira entre as duas nações, levantam temores de que Moscou possa iniciar uma ...

03/01/2022 - destaque

Biden promete a Zelensky "resp...

Os presidentes dos EUA e da Ucrânia conversam três dias depois que Washington e Moscou marcaram as linhas vermelhas da...

03/01/2022 - destaque

Comunidade das vítimas do mas...

Membros da comunidade indígena bloqueiam estradas pedindo justiça depois que crianças massacradas em meio a sangrenta...

23/12/2021 - destaque

El Salvador reeleita procurado...

O Congresso de El Salvador reelegeu na quarta-feira Rodolfo Delgado para servir por mais três anos como procurador-gera...

23/12/2021 - destaque

Gabriel Boric derrota José An...

Com mais de 99% das mesas apuradas, Boric obteve cerca de 56% dos votos, e já é considerado o próximo presidente do p...

20/12/2021 - destaque

Tribunal do Reino Unido permit...

A disputa pelo ouro gira em torno de se o Reino Unido reconhece o líder da oposição Guaido como chefe de estado da Ve...

20/12/2021 - destaque

Como as forças de esquerda es...

A esquerda política da América Latina está ressurgindo, disseram analistas, à medida que a fome e a pobreza aumentam...

16/12/2021 - destaque

Rússia e China defendem menor...

Presidentes Vladimir Putin e Xi Jinping se reuniram nesta quarta-feira (15) por videoconferência. Os presidentes da R...

16/12/2021 - destaque

Ucrânia diz não ver sinal de...

Secretário do Conselho de Segurança e Defesa da Ucrânia disse que a Rússia tem 92 mil soldados na divisa, mas que pr...

15/12/2021 - destaque

Eleições presidenciais no Ch...

O candidato da extrema direita e o da Frente Ampla de esquerda, que lidera as últimas pesquisas, se enfrentam no próxi...

15/12/2021 - destaque

Forças SDF apoiadas pelos EUA...

Forças curdas apoiadas pelos EUA dizem que a operação em Deir Az Zor teve como alvo os combatentes do ISIL, mas a ag...

13/12/2021 - destaque

Pesquisas no Chile apontam vit...

País encara reta final da eleição mais polarizada desde a volta da democracia. Identificar eleitores e classificar in...

13/12/2021 - destaque

>

Av. Cesar Abraão, 157 | Osasco - 3682-5820 | jornalfolhaoeste@gmail.com