Folha Oeste




Atrás de Biden, Trump acelera o ritmo em reta final de campanha nos EUA

12/10/2020

O presidente americano, Donald Trump, na Casa Branca em 10 de outubro - AFP. O presidente Donald Trump inicia, nesta segunda-feira (12), uma maratona de comícios em três estados importantes, na esperança de recuperar o terreno perdido para seu rival democrata Joe Biden antes da eleição presidencial dos Estados Unidos em 3 de novembro. Trump visitará a Flórida, Pensilvânia e Iowa em três dias, uma turnê exigente para o presidente americano de 74 anos, que diz estar “imune” à covid-19 dez dias após testar positivo para o coronavírus e interromper sua campanha à reeleição. Para seu retorno à arena eleitoral, Trump deverá tentar estimular sua base eleitoral, gabando-se de ter escolhido a juíza conservadora Amy Coney Barrett para preencher uma vaga na Suprema Corte. O Senado, controlado pelos republicanos, iniciou nesta segunda-feira a audiência da juíza de 48 anos, cuja confirmação, praticamente garantida, vai inclinar a mais alta corte do país para o lado conservador nas próximas décadas. “Parece que estou imune, não sei, talvez por muito tempo, talvez por pouco tempo, talvez por toda a vida. Ninguém sabe realmente, mas estou imune”, disse o inquilino da Casa Branca no domingo. “Vocês têm um presidente imune (…) Hoje vocês têm um presidente que não precisa se esconder em seu porão como seu adversário”, acrescentou, referindo-se a Biden. Trump chegou a afirmar, em uma mensagem de áudio para seus seguidores no domingo, que deu “totalmente negativo” para o vírus, uma declaração que não foi oficializada. A questão da imunidade à covid-19 ainda não está clara, pois os especialistas não sabem exatamente quanto tempo ela dura ou o nível de proteção oferecido pelos anticorpos. Em agosto, pesquisadores de Hong Kong anunciaram que haviam descoberto o primeiro caso comprovado de reinfecção, alguns meses após a recuperação do paciente. Em uma breve mensagem no sábado à noite, o médico Sean Conley disse que não havia mais risco de o presidente transmitir o vírus a outras pessoas. “Antecipo um retorno totalmente seguro do presidente aos seus compromissos públicos”, escreveu. “Alta total e completa dos médicos da Casa Branca ontem. Isto significa que não posso ter o vírus (imune) e não posso transmiti-lo. É muito bom saber disso!”, tuitou Trump no domingo. Logo depois, o Twitter sinalizou a publicação, por violar as regras da rede social sobre a divulgação de informações enganosas e potencialmente prejudiciais em relação à covid-19. O ex-empresário nova-iorquino, que constantemente apresenta Biden, de 77 anos, como um fantoche manipulado pela ala esquerda de seu partido, também deu a entender que seu rival pode estar doente. “Se você olhar para Joe, ele estava tossindo terrivelmente ontem [sábado]”, disse ele. “Não sei o que isso significa, mas a imprensa não tem falado muito sobre isso”, acrescentou. Depois que foi anunciado que o presidente havia contraído a covid-19, assim como sua esposa Melania Trump, a equipe de campanha de Biden publica os resultados dos testes que o candidato faz diariamente. Até agora, todos os testes foram negativos. Em contraste, há menos transparência em torno do presidente americano, já que sua equipe médica se recusa a dizer quando Trump deu negativo pela última vez. Essa postura alimenta as suspeitas de que ele não se submetia a um teste havia vários dias antes de anunciar, em 1º de outubro, que havia contraído o novo coronavírus. No momento em que o número de mortos pela pandemia ultrapassa 214.000 no país, Biden está quase 10 pontos, em média, à frente de Trump nas pesquisas nacionais, e também consolidou sua vantagem em intenção de voto nos estados decisivos para a eleição. Diante destes números, Trump evoca, mais do que nunca, o fator surpresa de 2016, em busca de repetir a História. Em um tuíte matinal, ele citou o estatístico eleitoral Nate Silver dizendo: “A vitória de Trump em 2016 foi o evento político mais impactante da minha vida”. “Desta vez há mais ENTUSIASMO até do que em 2016”, acrescentou. “Ganhar em muitos estados com muito mais facilidade do que as pessoas entendem. GRANDES MULTIDÕES!”, assegurou. Fonte: Istoé

Luis Arce será o próximo pre...

O candidato do MAS, o partido de Evo Morales, se impõe frente ao principal concorrente Carlos Mesa, segundo resultados ...

19/10/2020 - destaque

Número de casos de Covid-19 n...

(Reuters) - O número de casos de Covid-19 no mundo superou a marca de 40 milhões nesta segunda-feira, de acordo com um...

19/10/2020 - destaque

Movimento de classe média con...

Movimento da população mais economicamente acomodada que impulsionou a derrubada do ex-presidente se divide entre part...

15/10/2020 - destaque

Trump e Biden vão promover f...

(Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e seu desafiante nas eleições, o democrata Joe Biden, irão...

15/10/2020 - destaque

García Linera, ex-vice de Evo...

Às vésperas das eleições na Bolívia, no próximo domingo, o número dois durante os 13 anos do Governo destituído ...

12/10/2020 - destaque

Atrás de Biden, Trump acelera...

O presidente americano, Donald Trump, na Casa Branca em 10 de outubro - AFP. O presidente Donald Trump inicia, nesta se...

12/10/2020 - destaque

Trump volta à campanha eleito...

WASHINGTON (Reuters) - O presidente norte-americano Donald Trump retoma nesta segunda-feira sua campanha presidencial co...

12/10/2020 - destaque

Economia da América Latina so...

Cepal aponta queda de 9,1% no PIB e de quase 10% na renda por habitante. A pandemia terá efeitos devastadores para a e...

08/10/2020 - destaque

Atuação de Trump na pandemia...

SALT LAKE CITY (Reuters) - O vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, e a candidata democrata ao posto, Kamala Ha...

08/10/2020 - destaque

Trump não está totalmente fo...

A equipe médica do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou nesta segunda-feira (5) que ele cumpre todos os...

05/10/2020 - destaque

Pesquisa Reuters/Ipsos mostra ...

WASHINGTON (Reuters) - O candidato à Presidência dos Estados Unidos pelo Partido Democrata, Joe Biden, parece liderar ...

05/10/2020 - destaque

Chances de Biden aumentam em m...

(Reuters) - O candidato democrata à Presidência dos Estados Unidos, Joe Biden, ganhou terreno nos mercados de apostas ...

01/10/2020 - destaque

País tem 142.280 óbitos regi...

O Brasil tem 142.280 mortes por coronavírus confirmadas até as 13h desta terça-feira (29), segundo levantamento do co...

29/09/2020 - destaque

Governo interino da Bolívia f...

LA PAZ (Reuters) - Divisões internas no governo interino da Bolívia levaram à saída do ministro da Economia e de out...

28/09/2020 - destaque

Saiba como Biden e Trump se pr...

Joe Biden, candidato democrata à presidência dos EUA, está trocando a leitura de livros para dias inteiros de prepara...

28/09/2020 - destaque

Futuro da Suprema Corte dos EU...

A escolha do novo integrante da Suprema Corte dos Estados Unidos, em substituição à juíza Ruth Bader Ginsburg, poder...

24/09/2020 - destaque

Manifestantes voltam às ruas ...

Júri decide levar a julgamento por abuso de autoridade apenas um dos três agentes que mataram Breonna Taylor, símbolo...

24/09/2020 - destaque

Trump é vaiado ao comparecer ...

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, foi recebido com vaias nesta quinta-feira ao compa...

24/09/2020 - destaque

Sob pressão ambiental pela 2...

Sob intenso escrutínio mundial por seu desempenho na condução do Brasil durante a pandemia de coronavírus e pelas qu...

21/09/2020 - destaque

Líder nas pesquisas, partido ...

Com saída da presidenta interina da disputa, conturbada por escândalos, adversários do Movimento ao Socialismo ensaia...

21/09/2020 - destaque

>

Av. Cesar Abraão, 157 | Osasco - 3682-5820 | jornalfolhaoeste@gmail.com