Folha Oeste




Venezuela prende um grupo de ativistas civis e os acusa de “terrorismo e traição à pátria”

05/07/2021

ONG Fundaredes denunciou a presença de grupos guerrilheiros colombianos que operam com liberdade nas zonas fronteiriças venezuelanas com a anuência das autoridades chavistas e o Exército. Um tribunal da Venezuela ordenou a prisão preventiva dos irmãos Javier e Rafael Tarazona e de Juan de Dios García, membros da ONG Fundaredes. Esses ativistas da sociedade civil devem ser alvo de processos judiciais por acusações de terrorismo, traição à pátria e instigação ao ódio. Johnny Romero, outro voluntário da organização, foi posto em liberdade pouco depois de receber a imputação. Nos últimos dois anos, a organização Fundaredes se especializou em denunciar a situação política e social na fronteira da Venezuela com a Colômbia. Também fez denúncias específicas em torno das operações políticas da guerrilha colombiana em povoados fronteiriços, como escolas, centros sociais e emissoras de rádio financiadas pela guerrilha, com a anuência dos efetivos e chefes militares venezuelanos, particularmente no Estado andino de Táchira. A Fundaredes fez um trabalho de controladoria e informação durante a operação militar que o Exército venezuelano realizou no município de Páez, no Estado de Apure, também na fronteira colombiana, contra facções dissidentes das FARC. Muitos políticos e ativistas opositores denunciaram que as operações políticas e de captação da guerrilha colombiana vão além das zonas fronteiriças, particularmente nas zonas mineradoras do sul do país, onde abundam relatos sobre a presença de quadros do Exército de Libertação Nacional (ELN) em atividades extrativistas, e que também foram naturalizadas pelo Governo de Nicolás Maduro com seu silêncio sobre o tema. A Administração chavista não se pronunciou sobre a medida contra os membros da Fundaredes. Durante o episódio da investida do Exército venezuelano contra os guerrilheiros em Apure, na qual houve um número indeterminável de baixas e vários militares venezuelanos foram sequestrados temporariamente pelos grupos irregulares, a Fundaredes questionou a opacidade informativa das autoridades e criticou o ministro da Defesa, Vladimir Padrino, pelo claro descaso e a ausência do Estado venezuelano na proteção da soberania nacional, pondo em dúvida os relatórios oficiais que registravam uma bem-sucedida missão militar na zona. Na sexta-feira passada, um mês e meio depois do episódio de Apure, Javier e Rafael Tarazona, junto com García, se apresentaram ao escritório da Procuradoria Geral da República na cidade de Coro, 600 quilômetros a oeste de Caracas, para denunciar que vinham sendo alvo de monitoramentos, perseguições e ameaças por parte de agentes do Serviço Bolivariano de Inteligência (Sebin), a polícia política do chavismo. Ao se apresentarem nesse gabinete, foram detidos e formalmente denunciados, e seu paradeiro é desconhecido —a versão oficial é de que permanecem na penitenciária de La Planta, em Caracas, hoje destinada apenas a presos estrangeiros. Segundo fontes consultadas, Tarazona costumava ir com frequência ao Ministério Público para apresentar denúncias e acompanhar as queixas apresentadas pela Fundaredes às autoridades. Marino Alvarado, diretor da ONG de direitos humanos Provea, também ameaçada no passado pelo regime de Maduro, pediu à alta-comissária da ONU para os Direitos Humanos, Michelle Bachelet, que interceda por Javier Tarazona e seus colegas. “Três novos detentos políticos na Venezuela: os integrantes da Fundaredes. Vítimas de um generalizado e sistemático ataque contra a população e da perseguição seletiva às organizações de direitos humanos”, declarou a Provea em nota. Fonte: El País

Oposição da Nicarágua indic...

Grupos de direitos humanos acusam o presidente Daniel Ortega de reprimir oponentes em potencial antes da votação de no...

29/07/2021 - destaque

PF faz operação após BBC re...

A operação, batizada de AMAZONIA.COM, mirou pessoas que, por meio de anúncios no Facebook, tentavam vender lotes que ...

29/07/2021 - destaque

Pequim diz que EUA tratam Chin...

Em reunião entre diplomatas, o vice-ministro das Relações Exteriores da China, Xie Feng, afirmou que governo norte-am...

26/07/2021 - destaque

Oposição do Peru vai liderar...

Na véspera da posse de Pedro Castillo, ele e seu partido Peru Livre sofrem um golpe político. Uma aliança liderada p...

26/07/2021 - destaque

Autoridades colombianas dizem ...

As autoridades dizem que prenderam 10 ex-rebeldes colombianos das FARC baseados na Venezuela, responsáveis ​​por do...

22/07/2021 - destaque

EUA impõem sanções a oficia...

Medida marca os primeiros passos concretos do governo Biden para pressionar o governo cubano. Os Estados Unidos impuser...

22/07/2021 - destaque

Keiko Fujimori admite derrota ...

A autoridade eleitoral do Peru informou nesta segunda-feira que anunciará o vencedor da eleição nesta semana. A cand...

19/07/2021 - destaque

Primeiro-ministro do Haiti, Cl...

Ariel Henry, que havia sido nomeado pelo presidente Jovenel Moïse dois dias antes do assassinato, assumirá a lideranç...

19/07/2021 - destaque

Biden recebe Merkel na Casa Br...

Os dois países são aliados essenciais da OTAN, mas se chocam a respeito de temas polêmicos, como o duto Nord Stream 2...

15/07/2021 - destaque

Alguns acusados ​​de assas...

O Pentágono disse que alguns dos ex-soldados colombianos acusados ​​do assassinato do presidente do Haiti, Jovenel ...

15/07/2021 - destaque

Ex-informante da agência de d...

WASHINGTON, 12 de julho (Reuters) - Um dos haitianos americanos presos sob suspeita de participar do assassinato do pres...

12/07/2021 - destaque

Cuba vive maiores protestos co...

Milhares de pessoas foram às ruas protestar contra o Governo cubano, impulsionadas pela grave crise sanitária, econôm...

12/07/2021 - destaque

Polícia do Haiti mata quatro ...

Governo anuncia a detenção de outros dois “mercenários” e a liberação de três policiais que haviam sido tomado...

08/07/2021 - destaque

Tiroteios entre gangues e pol...

CARACAS, 8 de julho (Reuters) - As autoridades venezuelanas fecharam estradas no noroeste de Caracas na quinta-feira dev...

08/07/2021 - destaque

Governo do Peru rejeita apelo ...

LIMA, 3 de julho (Reuters) - O governo do Peru rejeitou na noite de sexta-feira um pedido da candidata presidencial Keik...

05/07/2021 - destaque

Venezuela prende um grupo de a...

ONG Fundaredes denunciou a presença de grupos guerrilheiros colombianos que operam com liberdade nas zonas fronteiriça...

05/07/2021 - destaque

Bukele, de El Salvador, quer a...

SAN SALVADOR, 1 de julho (Reuters) - O presidente de El Salvador, Nayib Bukele, solicitou na quinta-feira um aumento do ...

01/07/2021 - destaque

Em exibição de poder pelo ce...

“O tempo em que o povo chinês podia ser pisoteado, em que sofria e era oprimido terminou para sempre”, afirmou o pr...

01/07/2021 - destaque

Irã tem drones com alcance de...

Comandante da Guarda revolucionária informou sobre equipamentos, capaz de voar sobre aliados dos EUA como a Arábia Sau...

28/06/2021 - destaque

Pouco a comemorar na América ...

No Dia do Orgulho Gay, entidades lembram que entre 2014 e 2020 pelo menos 3.514 pessoas LGBTQIA+ foram assassinadas na r...

28/06/2021 - destaque

>

Av. Cesar Abraão, 157 | Osasco - 3682-5820 | jornalfolhaoeste@gmail.com