Folha Oeste




Primeiro-ministro do Haiti, Claude Joseph, deixará o cargo e passará o poder a um novo Governo

19/07/2021

Ariel Henry, que havia sido nomeado pelo presidente Jovenel Moïse dois dias antes do assassinato, assumirá a liderança do país. O primeiro-ministro Claude Joseph, que dirige o Haiti desde o assassinato do presidente Jovenel Moïse em 7 de julho, renunciará nesta terça-feira e entregará o poder a Ariel Henry, segundo o ministro de Assuntos Eleitorais, Mathias Pierre. Henry tinha sido nomeado primeiro-ministro dois dias antes da morte de Moïse, mas não chegou a tomar posse do cargo. Joseph reassumirá o cargo de ministro das Relações Exteriores e se espera que nesta terça seja anunciado um novo Governo no país. Em abril, o presidente Jovenel Moïse havia nomeado Joseph, até então Ministro das Relações Exteriores, como o homem-chave em seu Gabinete, com o objetivo de conter a onda de sequestros e crimes urbanos. No entanto, o assassinato agravou a situação de incerteza no país. Embora Henry tenha sido oficialmente nomeado, Joseph continuava no cargo como interino. A Constituição estabelece que, em caso de morte do presidente, o Conselho de Ministros, chefiado pelo primeiro-ministro, exerce o poder executivo até a eleição de um novo governante. As eleições presidenciais e legislativas estão convocadas para 26 de setembro. Com o anúncio desta segunda-feira, Henry ficará no poder até que as eleições sejam realizadas. Representantes das Nações Unidas e da Organização dos Estados Americanos (OEA) instaram neste fim de semana Ariel Henry a formar um novo Governo. Em um comunicado, expressaram o desejo de que “todos os atores políticos, econômicos e da sociedade civil do país apoiem plenamente as autoridades” na organização de “eleições livres, justas, transparentes e confiáveis o mais rápido possível” e no restabelecimento da segurança. Henry foi nomeado primeiro-ministro em 5 de julho, mas não chegou a assumir cargo. Após a morte de Moïse, estavam na disputa pelo poder o seu nome, o de Claude Joseph e o de Joseph Lambert, presidente do Senado. Joseph recebeu no sábado Martine Moïse, a viúva do presidente Jovenel Moïse, em seu retorno ao Haiti para o funeral do presidente. A primeira-dama ficou ferida durante o assassinato do marido e estava se recuperando em um hospital da Flórida. Enquanto se coordenam os preparativos para o funeral em 23 de julho, avançam as investigações das autoridades judiciais. Até o momento, 24 ex-militares colombianos foram identificados como autores materiais, dos quais 18 foram capturados pelas autoridades caribenhas, três foram mortos em operações policiais e outros três estão foragidos. As investigações indicam também a participação de membros da empresa CTU Security, dirigida pelo venezuelano Antonio Intriago, que teria recrutado os pistoleiros, e o envolvimento da empresa Worldwide Capital, do equatoriano Walter Veintemilla, na compra dos bilhetes aéreos. Pelo menos dois ex-militares se encontraram com o médico Emmanuel Sanon, detido como suposto instigador do magnicídio, e com o ex-funcionário do Ministério da Justiça do Haiti Jospeh Badio, que deu a ordem aos ex-militares colombianos para assassinar o presidente Jovenel Moïse, de acordo com diretor da polícia colombiana, Jorge Luis Vargas. “Em uma reunião com Badio e outra pessoa chamada Askard, os ex-militares colombianos Duberney Capador (morto) e Germán Rivera foram informados de que supostamente iriam prender o presidente”, disse ele. Enquanto os detalhes do crime aparecem a conta-gotas, as autoridades consulares colombianas esperam viajar para a ilha para conhecer a situação judicial dos ex-militares envolvidos e repatriar os corpos dos três abatidos. Fonte: El País

Oposição da Nicarágua indic...

Grupos de direitos humanos acusam o presidente Daniel Ortega de reprimir oponentes em potencial antes da votação de no...

29/07/2021 - destaque

PF faz operação após BBC re...

A operação, batizada de AMAZONIA.COM, mirou pessoas que, por meio de anúncios no Facebook, tentavam vender lotes que ...

29/07/2021 - destaque

Pequim diz que EUA tratam Chin...

Em reunião entre diplomatas, o vice-ministro das Relações Exteriores da China, Xie Feng, afirmou que governo norte-am...

26/07/2021 - destaque

Oposição do Peru vai liderar...

Na véspera da posse de Pedro Castillo, ele e seu partido Peru Livre sofrem um golpe político. Uma aliança liderada p...

26/07/2021 - destaque

Autoridades colombianas dizem ...

As autoridades dizem que prenderam 10 ex-rebeldes colombianos das FARC baseados na Venezuela, responsáveis ​​por do...

22/07/2021 - destaque

EUA impõem sanções a oficia...

Medida marca os primeiros passos concretos do governo Biden para pressionar o governo cubano. Os Estados Unidos impuser...

22/07/2021 - destaque

Keiko Fujimori admite derrota ...

A autoridade eleitoral do Peru informou nesta segunda-feira que anunciará o vencedor da eleição nesta semana. A cand...

19/07/2021 - destaque

Primeiro-ministro do Haiti, Cl...

Ariel Henry, que havia sido nomeado pelo presidente Jovenel Moïse dois dias antes do assassinato, assumirá a lideranç...

19/07/2021 - destaque

Biden recebe Merkel na Casa Br...

Os dois países são aliados essenciais da OTAN, mas se chocam a respeito de temas polêmicos, como o duto Nord Stream 2...

15/07/2021 - destaque

Alguns acusados ​​de assas...

O Pentágono disse que alguns dos ex-soldados colombianos acusados ​​do assassinato do presidente do Haiti, Jovenel ...

15/07/2021 - destaque

Ex-informante da agência de d...

WASHINGTON, 12 de julho (Reuters) - Um dos haitianos americanos presos sob suspeita de participar do assassinato do pres...

12/07/2021 - destaque

Cuba vive maiores protestos co...

Milhares de pessoas foram às ruas protestar contra o Governo cubano, impulsionadas pela grave crise sanitária, econôm...

12/07/2021 - destaque

Polícia do Haiti mata quatro ...

Governo anuncia a detenção de outros dois “mercenários” e a liberação de três policiais que haviam sido tomado...

08/07/2021 - destaque

Tiroteios entre gangues e pol...

CARACAS, 8 de julho (Reuters) - As autoridades venezuelanas fecharam estradas no noroeste de Caracas na quinta-feira dev...

08/07/2021 - destaque

Governo do Peru rejeita apelo ...

LIMA, 3 de julho (Reuters) - O governo do Peru rejeitou na noite de sexta-feira um pedido da candidata presidencial Keik...

05/07/2021 - destaque

Venezuela prende um grupo de a...

ONG Fundaredes denunciou a presença de grupos guerrilheiros colombianos que operam com liberdade nas zonas fronteiriça...

05/07/2021 - destaque

Bukele, de El Salvador, quer a...

SAN SALVADOR, 1 de julho (Reuters) - O presidente de El Salvador, Nayib Bukele, solicitou na quinta-feira um aumento do ...

01/07/2021 - destaque

Em exibição de poder pelo ce...

“O tempo em que o povo chinês podia ser pisoteado, em que sofria e era oprimido terminou para sempre”, afirmou o pr...

01/07/2021 - destaque

Irã tem drones com alcance de...

Comandante da Guarda revolucionária informou sobre equipamentos, capaz de voar sobre aliados dos EUA como a Arábia Sau...

28/06/2021 - destaque

Pouco a comemorar na América ...

No Dia do Orgulho Gay, entidades lembram que entre 2014 e 2020 pelo menos 3.514 pessoas LGBTQIA+ foram assassinadas na r...

28/06/2021 - destaque

>

Av. Cesar Abraão, 157 | Osasco - 3682-5820 | jornalfolhaoeste@gmail.com